A Família do ”Para nossa alegria”

0
Posted 02/04/2012 by clamordauniversal in IURD
 
 
 
Sucesso na internet, Suellen, Jefferson e Mara da Silva Barbosa, do vídeo “Para nossa alegria”  ainda estão surpresos com a repercussão do clipe caseiro da família. “Tem tanta desgraça no mundo… Levamos felicidade para o povo, né?”, diz Mara, a mãe, que está adorando o sucesso repentino. “Gostei de ficar famosa. O povo reconhece a gente, pede para tirar foto”, comemora. 
 
O vídeo, no qual eles cantam a música “Galhos Secos”, do grupo Exodos, foi feito no início de março, e postado no dia 13 do mesmo mês. “Liguei a câmera e chamei minha irmã. Como minha mãe estava de folga, falei para ela cantar com a gente. Mas não tínhamos combinado nada. Fizemos de brincadeira, foi tudo natural”, conta Jefferson, de 19 anos, que, junto com a irmã, exibiu um sorriso que virou marca da dupla. “Sou sempre alegre, graças a Deus”, comenta ele.
 
Os agudos de Suellen e sua risada histérica também ajudaram o vídeo a ter mais de 11 milhões de acessos no Youtube. “Sou séria e minha risada não é assim”, garante a estudante de 17 anos. “Meu irmão gritou e eu levei um susto, não deu para segurar”. Suellen diz que não liga para quem a acha desafinada. “Acho que canto bem”. Fã de música gospel e de Luan Santana, ela sonha em ser cantora, e pretende aproveitar os cinco minutos de fama para juntar dinheiro e pagar aulas de canto
 
Família vive com salário mínimo. O sucesso até agora, porém, não rendeu frutos. Por enquanto, o trio só recebeu convites para programas de TV – esta semana, vieram ao Rio para uma gravação, quando andaram pela primeira vez de avião – e para duas apresentações sem cachê, em uma ONG e em uma universidade.
 
Eles ainda não sabem quanto cobrar se pintar convite, mas Mara, a mãe, já sonha em largar o trabalho como faxineira no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. “É muita humilhação”, diz ela, de 46 anos, que ganha um salário mínimo por mês.
 
A família mora em Parelheiros, na Zona Sul da cidade, numa casa de três quartos ainda inacabada. O pai, Edevaldo, sofreu um AVC e teve que largar o emprego como motorista de ônibus, e ainda não conseguiu a aposentadoria por invalidez.
 
Evangélicos, frequentam a igreja da Assembléia de Deus onde Jefferson, que pretende se tornar pastor, e Suellen já costumavam cantar nos cultos de domingo. “O pessoal gosta da minha voz e me pede para cantar”, gaba-se Suellen. Os irmãos garantem que com ensaio não desafinam. “Na igreja ensaiamos bastante para cantar. Essa música não tivemos tempo para isso”, diz Jefferson. Para a nooooossa alegria



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


0 Comments



Be the first to comment!


Leave a Response

(required)